NOSSA REVISTA ON-LINE PRA VOCÊ!

segunda-feira, 9 de maio de 2016

A NOVA HERANÇA CULTURAL

Com curadoria de Beto Consorte marca inova em nova fase e incorpora novos produtos em seu portfólio

A evolução do conceito de uma marca é constante e inevitável. Estruturas flexíveis, mais colaborativas e sustentáveis, foram as grandes inspirações de Pablo Casas, proprietário da Herança Cultural (www.herancacultural.com), que revolucionou sua já consagrada marca com 25 anos no mercado e que tem como maior reconhecimento a venda de móveis originais de época.

Desde 2015 a loja passou por grandes e positivas transformações; a migração de um espaço físico para o online, foi a maior delas. Agora um colecionador que está em Londres pode, por exemplo, comprar um clássico original de Sergio Rodrigues com a mesma facilidade de um consumidor que está em Minas Gerais.



Outra grande mudança é que a Herança Cultural não comercializa apenas mobiliário original de época. No catálogo de produtos, foram incorporados designers contemporâneos como: Zanini de Zannine, Artur Casas, Paulo Alves, Sergio Fahrer e Jack Fahrer. Itens de arte como quadros e esculturas, objetos e acessórios de decoração, e ainda, uma área reservada apenas para livros sobre o segmento. Beto Consorte, responsável pela curadoria da nova fase, assegura o minucioso trabalho de garimpo de peças especiais, fazendo um mix que vai do vintage ao contemporâneo.

Nenhum comentário: