NOSSA REVISTA ON-LINE PRA VOCÊ!

terça-feira, 19 de janeiro de 2016

ARTEFACTO INOVA COM MOBILIÁRIO EXTERNO


Com chuvas ou não, essa temporada é celebrada como tempo de confraternizar, abrir a casa para receber amigos, viajar para praia ou campo e desfrutar de altas temperaturas. Dessa forma, áreas externas, casas de veraneio e varandas ganham destaque e merecem um mobiliário confortável e apropriado para receber sem perder o estilo.

Com foco no handmade, a Artefacto é também reconhecida pela alta tecnologia empregada na produção de seus móveis. Neste ano a mistura de materiais exemplifica a capacidade de desempenho das duas áreas. A tecnologia empregada nos acabamentos de seu mobiliário externo, com a utilização de fibras sintéticas, cores variadas e tecidos especiais para resistir a chuvas e maresia são bons exemplos de como essa união pode dar certo.

Para a gerente da Artefacto Curitiba, Ingrid Moskalewski, móveis e tecidos com aspectos mais naturais estão vinculados ao conforto e bem estar. “Isso não significa ser rústico. O móvel pode ser sofisticado usando materiais como tecidos com fibras naturais, madeiras em sua cor natural ou com tingimentos suaves, bambu, palhas ou málacas trançadas manualmente. Se bem acabadas e bem construídas, as peças ganham em sofisticação. Esses aspectos não necessariamente estarão vinculados a praia ou a cidade, mas dependem do estilo de vida do morador. Podemos ter uma casa de praia com peças naturais e super refinadas”, finaliza Ingrid.
Confira aqui as novidades em mobiliário externo da coleção 2016:

(São 16 ambientes com a assinatura de 20 profissionais)
Ana Letícia Virmond
O “Refúgio de Verão” da arquiteta Ana Letícia Virmond tem cores leves, elegância e harmonia, com esculturas em basalto e bronze, peças chave do repertório de Alfi Vivern.
O contraste dos tons claros ficou para o mármore Nero Marquina utilizado nas colunas dos jardins verticais da área externa. “A razão para utilização destes tons foi tornar o ambiente leve e agradável para qualquer pessoa que visitá-lo”, conta. Já no mobiliário o destaque está na poltrona Slue, peça elegante, moderna e confortável. Destaque também para a poltrona Rigel, um clássico da Artefacto lançado na versão outdoor, feita em fibra sintética e aço inodizado. E quem disse que design não combina com áreas externas?






Jorge Elmor

 A “Varanda e Pocket Garden”, criada pelo arquiteto Jorge Elmor é coberta e integrada com um pequeno jardim, um refúgio para o relaxamento e contemplação e prova de que é possível ter um ambiente externo inspirador mesmo em terrenos menores.
Considerada uma área de transição ela reúne as qualidades dos espaços internos: acolhedores e confortáveis, e das áreas externas: contemplativas, integradas com a vegetação. O paisagismo forma um diálogo entre a obra do artista Frans Krajcberg e as espécies vegetais circundantes.
Com inspiração retrô, o mobiliário imprime personalidade marcante ao espaço. As cadeiras palito, o sofá Levin, e as peças asiáticas da linha Beach & Country da Artefacto, como a Poltrona Banju (em fibra natural), a mesa de canto Carved (talhada à mão), e os tamboretes, (vindos da Ásia), compõem a atmosfera ao mesmo tempo rústica e urbana do espaço.



As cadeiras Think, feitas em couro vaqueta, com braços de madeira, tem posição privilegiada para serem admiradas de todos os ângulos ambiente. No gazebo, bem em frente ao espelho d´água, está a confortável poltrona da linha St Bart, que recebeu um gazebo metálico para adorná-la.


Wolfgang Schlögel 
Neste exemplo, Wolfgang Schlögel busca desmistificar a área externa e transformá-la em um ambiente de reunião. Para torná-la mais aconchegante o paisagista apostou na lareira de gás natural. “O fogo é um elemento ancestral que promove a reunião”, explica.
Os móveis são funcionais e ideais para o ambiente externo, não precisando ser recolhidos. Destaque para a poltrona Spider, feita em aço e trançada a mão com fibra sintética e alumínio anodizado (que permitem deixar em áreas externas sem o risco de enferrujar). Além disso, o espaço tem diversas espécies de plantas exóticas, e obras do fotógrafo Orlando Azevedo.


Nenhum comentário: