NOSSA REVISTA ON-LINE PRA VOCÊ!

quinta-feira, 23 de julho de 2015

LUXO PARA DOIS NO QUARTO DE CASAL: MOSTRA CASA COR PARANÁ


 Viviane Loyola apresenta um quarto de casal refinado e multifuncional para a Casa Cor Paraná 2015

            Primando pelo luxo e elegância, a arquiteta Viviane Loyola apresenta o espaço “Quarto do Casal” na Casa Cor Paraná 2015. Participando pelo oitavo ano consecutivo do evento, a profissional seguiu a linha natural chic, com o conceito de um ambiente claro sem ser frio pontuado com detalhes em madeira.
       
     Com 40m², o projeto foi elaborado para um casal conservador que utilize o quarto como refúgio, resultando em um ambiente integrado subdivido em duas áreas: o espaço para cama e o estar com lareira, sofá, televisão e poltrona com luminária para leitura. “O estilo que imprimo em meus projetos é atemporal. Busco apresentar na Casa Cor algo que o público possa imaginar em sua residência, com conforto aliado à estética”, explica Viviane.

            O projeto foi trabalhado com cores suaves do branco ao camurça, com o mármore branco atrás da televisão em evidência. Para aquecer visualmente o ambiente, peças em madeira natural – como o aparador em madeira de demolição, destaque da Ton Sur Ton, e a luminária em coluna, também em madeira. Já as diversas texturas utilizadas transmitem a sensação de aconchego, com uma mistura de tecidos como linho, camurça, seda e crochê, além de papéis de parede, todos materiais da Orlean Revestimentos de Parede e Tecidos.

Na marcenaria foi utilizado um lançamento da Arauco, o Padrão Conect de leve textura acetinada que contrasta com o brilho da laca. Visando o bem-estar, todas as paredes são revestidas com painéis, papéis de parede, espelhos e tecidos.

O ponto focal do projeto é o pergolado em marcenaria sobre o teto de gesso, que valoriza a iluminação indireta no ambiente. O projeto luminotécnico foi elaborado pensando em otimizar todas as atividades do cotidiano.

            Como recursos tecnológicos, a arquiteta optou pela utilização de automação e home theather.

Nenhum comentário: