MOBILIÁRIO CAPAZ DE PROMOVER SAÚDE, NO PERÍODO PÓS PANDEMIA

Conheça as peças que protegem contra fungos e bactérias

O coronavírus impactou todos os mercados e setores econômicos do mundo, transformando as necessidades e demandas do consumidor de forma relevante. Os comportamentos estão mudando na mesma velocidade da evolução da doença. Um estudo do Instituto Qualibest apontou que 94% dos brasileiros mudaram os hábitos de higiene após o início da pandemia. O uso do álcool em gel cresceu 67%, seguido pela água sanitária (51%), desinfetante (47%) e sabonete líquido (42%).

Na arquitetura, o desafio é criar novos espaços para o home office – tendência que que veio para ficar, mesmo após a pandemia – e áreas sujas para evitar que vírus e bactérias entrem na casa. Uma outra novidade é o mobiliário com proteção antimicrobiana, que inibe a proliferação de bactérias em toda a superfície dos painéis de madeira. A Mobitec, por exemplo, trabalha com as peças MaDeFibra BP Ultra Premium, da Duratex. Resistente a umidade, é feita com madeira reflorestada, possui proteção antibacteriana Protekto. Essa proteção cria uma barreira que elimina o crescimento de microrganismos e uma ampla gama de bactérias, não permitindo que se depositem nos produtos, mantendo a limpeza por mais tempo. Dessa forma, os produtos se mantem higienizados e mais saudáveis. Além disso, o Protekto protege os painéis contra manchas e maus odores causados pelo bolor, mantendo a funcionalidade e prolongando a vida útil dos produtos.
O que antes era solicitado apenas para áreas de cozinha e lavanderia, se tornou uma excelente opção para toda a casa. No quarto de bebês e crianças, por exemplo, ter um mobiliário protegido é fundamental”, conta o diretor comercial da Mobitec, Eleandro Miranda, que explica que, por ser aplicado no processo de fabricação, o Protekto se torna parte dos painéis de madeira, tintas, vernizes, laminados e revestimentos sintéticos. As características físicas dos modulados não são afetadas, e a proteção perdura por toda a vida útil do armário.
Tecnologia e prevenção - A WGSN, líder em previsão de tendências, publicou um relatório da estrategista e editora Petah Marian, que aponta que as empresas devem trabalhar para criar estratégias que melhorem a sensação de segurança, bem-estar e promovam a calma. Para isso, a indústria trabalha de forma incansável para seguir oferecendo design, qualidade, inovação e saúde. O mesmo relatório aponta que, de acordo com a pesquisa da Nielsen, 49% dos consumidores estarão dispostos a pagar “um prêmio” por produtos com garantias de alta qualidade e padrões de segurança verificáveis.

Entendemos que vai prevalecer a empresa capaz de atender o cliente com alta tecnologia e muita segurança”, afirma Eleandro. Na Mobitec, o trabalho é feito de forma artesanal em uma fábrica própria, que fica em Pinhais, na região metropolitana de Curitiba.


Comentários