TERRASSE ENTREGA SEU 57º EMPREENDIMENTO EM VILA IZABEL

A prosperidade é a marca do bairro Vila Izabel (grafia oficializada em 1975), em Curitiba. A história evidencia sua evolução econômica e urbanística, favorecida pela localização estratégica. A produção imobiliária também avançou, conforme dados da Associação dos Dirigentes de Empresas do Mercado Imobiliário do Paraná (Ademi/PR): em 2012-2013, a região teve sua disponibilidade de imóveis novos para a venda praticamente dobrada (de um média de 250 para 450 unidades), porém, nos últimos dois anos, os lançamentos ficaram escassos. 


Este é o bairro que abriga o Terrasse Provence, 57º empreendimento da Terrasse Engenharia e Construções, que acaba de ser entregue na cidade. O diretor da incorporadora com 25 anos de atuação no mercado, Jefferson Gomes da Cunha ressalta que o empreendimento tem como principal diferencial a localização privilegiada, em rua tranquila e arborizada. “Essas são características que tornam a Vila Izabel um dos bairros mais aconchegantes de Curitiba, com equilíbrio entre infraestrutura comercial e qualidade de vida. O imóvel está pronto para morar, permitindo a mudança imediata e, em virtude de suas características, a tendência é que se valorize ao longo do tempo”, argumenta.

Lançado em agosto de 2014, o Terrasse Provence tem torre única, com 31 apartamentos com 3 dormitórios (sendo uma suíte), distribuídos em oito pavimentos, sendo quatro unidades por andar. Ao todo, são quatro apartamentos Garden (com terraço exclusivo), com 91 a 102 m² de área privativa, mais terraço com 62 a 116 m² privativos. Ainda, conta com 23 apartamentos tipo, com área privativa de 91 a 103 m², e quatro coberturas duplex com 151 a 157 m² de área privativa, mais 32 a 36 m² de área descoberta exclusiva. Todas as unidades têm vaga para dois veículos e sacada com churrasqueira a carvão.

Cunha ressalta que os apartamentos são entregues com pacote de acabamentos que inclui: tampo de granito nos banheiros, esquadrias de alumínio com venezianas integradas, piso em porcelanato nos banheiros e cozinha e integração de tubulações de telefonia, interfone, TV e home theater. A área comum é composta por espaço gourmet e de jogos (equipado e mobiliado), playground e quadra poliesportiva, além de bicicletário. A incorporadora flexibiliza a aquisição. “Aceitamos o imóvel atual como parte do pagamento, até 40% do valor do novo, conforme avaliação da empresa, e recursos de FGTS, com financiamento bancário ou direto com a construtora”, destaca o diretor da Terrasse.

Segundo o Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc), em seus primórdios, o bairro Vila Izabel formava uma extensa mata, frequentada por caçadores e pescadores. Com a ocupação do local, o local foi transformado numa grande lavoura de milho, feijão, arroz e outros cereais. Sua localização (por ele passavam alguns caminhos que chegavam até a estrada que ligava Curitiba a Ponta Grossa) o tornou um ponto de pouso dos tropeiros, intensificando as atividades comerciais e promovendo o desenvolvimento urbano do local. 




Comentários