COMO CRIAR AMBIENTES MULTIFUNCIONAIS

Criatividade e soluções em design permitem otimizar espaços e reunir mais de uma função para cada um deles

Já imaginou ter um quarto que vira escritório? Ou então um escritório prático dentro de um closet? Em um mesmo ambiente é possível criar e recriar, agregando funções e praticidade em poucos metros quadrados. Com o advento da construção civil e o investimento cada vez maior em imóveis pequenos, arquitetos e decoradores precisam inovar e mostrar toda sua criatividade em projetos multifuncionais.

Entre os espaços mais procurados está o quarto-escritório, especialmente para moradores jovens e solteiros, segundo a designer de interiores Julia Varaschin. Ela conta que o grande desafio deste tipo de projeto é planejar bem ambas as propostas para atendê-las em equilíbrio, sem que nenhuma se sobressaia à outra. “Em um quarto-escritório, por exemplo, os móveis para cada uma das propostas devem se complementar. Com criatividade e um bom marceneiro as possibilidades são imensas”, comenta Julia.

De acordo com a designer, ambientes multifuncionais pedem cores mais neutras e, é claro, uma boa iluminação. “Se possível, vale dar ênfase à iluminação natural, com grandes aberturas e janelas. Cores claras e tranquilas tornam o ambiente relaxante para ser usado como quarto e a iluminação bem direcionada atende as necessidades da área de trabalho, por exemplo. Porém, nada impede que sejam utilizadas cores mais fortes. Nesses casos, é preciso suavizar o ambiente com alguns artifícios, como espelhos e vidros colocados em locais estratégicos. A boa harmonização do conjunto traz benefícios até para a saúde do usuário, ajudando a evitar dores de cabeça, estresse e problemas de vista. Por isso, é necessário cuidar para não sobrecarregar o ambiente, as duas funções devem ser trabalhadas de forma suave”, acrescenta a designer.

Julia frisa que qualquer estilo pode ser trabalhado neste tipo de projeto, desde uma referência bem sofisticada, até uma pegada mais vintage, tudo vai depender do gosto pessoal do cliente. Para quartos com closet, a profissional explica que o ambiente exige uma boa iluminação, com espelhos bem distribuídos e, se possível, paralelos. “O ambiente tem que ser planejado com atenção para que ofereça fluidez e dê a impressão de ser maior do que é. Tudo é questão de harmonizar”, completa.

Sobre Julia Varaschin
Complementando a sua formação com o curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Positivo, a designer de interiores Julia Varaschin tem experiência de seis anos no mercado. Depois de ter trabalhado com profissionais renomados, resolveu lançar sua própria marca – J. Varaschin Interiores e Paisagismo – e hoje já conta com projetos em Curitiba e Pato Branco, sua cidade natal.

Se quiser saber mais entre em contato com a Designer de Interiores Julia Varaschin por e-mail: contato@jvaraschin.com e também no site Site: www.jvaraschin.com 

Comentários

Postagens mais visitadas